O dinheiro é algo sem o qual é impossível imaginar o mundo moderno

O dinheiro é algo sem o qual é impossível imaginar o mundo moderno
Foto: Welcomia | Dreamstime
Participação

Dinheiro desempenha um papel importante e significativo na sociedade moderna. Todo mundo conhece a expressão: “Para mim, o dinheiro não é uma corrente, mas um meio para um fim”.

A realidade do dinheiro, como outras realidades sociais, foi criada no processo de desenvolvimento da sociedade pelas pessoas. Exatamente assim, e não de outra forma. Você nunca deve esquecê-lo. Portanto, cada pessoa em relação ao seu bem-estar financeiro, sendo um criador, determina por si mesmo que tipo de relação tem com o dinheiro, com essa realidade. E aqui, é claro, nem tudo é simples e claro.

Dinheiro e folclore

Se nos voltarmos para o nosso passado comum e olharmos para provérbios e ditados populares, contos de fadas, verifica-se que o tema do dinheiro neles não foi ignorado. Além disso, depois de analisar a arte popular, pode-se notar uma série de padrões interessantes. E esses padrões, em um grau ou outro, se aplicam à maioria dos povos do mundo.

Por exemplo, não apenas em nossos contos de fadas, o herói distribui seu dinheiro para pessoas “gentis”, o herói dos contos de fadas indianos age da mesma maneira – depois de distribuir tudo o que tinha, ele sai para passear. E tal comportamento é bem-vindo na sociedade (claro!).

Money
Foto: Wayne Mckown | Dreamstime
Você não precisa procurar muito por exemplos – lembre-se agora de alguns provérbios sobre dinheiro e você notará uma característica – a maioria deles, de uma forma ou de outra, associa dinheiro a algo ruim ( “A pobreza não é um vício”, “Dinheiro não cheira” (ou seja, não cheira mal).

Alguns provérbios justificam diretamente o medo de possuir dinheiro, associado a um sentimento de culpa embutido (“O dinheiro estraga as pessoas”). E poucas pessoas pensam nisso. Enquanto isso, esses medos são o obstáculo mais forte no caminho da realização pessoal para qualquer pessoa. É impossível se tornar uma pessoa livre sem se livrar dos preconceitos sobre dinheiro.

O que é bom e o que é ruim?

Como tal, o dinheiro não é bom ou ruim, não é moral ou imoral – todas essas são qualidades que nós mesmos ou com a ajuda de outros atribuímos ao dinheiro. Você pode ganhar dinheiro ilegalmente, ou com a dor de alguém, mas isso já é uma questão de escolha pessoal de cada um.

Inflação: causas e consequências
Inflação: causas e consequências

O dinheiro em si não sofre alterações, novas qualidades a partir da forma como foi ganho. Talvez, historicamente, sempre tenha sido benéfico para alguém que você pense menos em “dinheiro sujo” enquanto trabalha para ele. No entanto, existem muitas razões pelas quais ainda existem muitos estereótipos desdenhosos em relação ao dinheiro na sociedade. E até que você consiga libertar sua consciência deles, você continuará servindo aos interesses de outras pessoas.

De qualquer forma, se você considerar alguma forma de ganhar dinheiro ruim e inadequada para você (por exemplo, jogar na bolsa de valores), poderá sempre escolher entre muitas outras maneiras. Você deve ser cauteloso quando a maioria das maneiras que você não gosta. Talvez, neste caso, você apenas fale sobre seus próprios sentimentos de culpa. E você está se impedindo de alcançar seus objetivos.

Money
Foto: Aliaksey Yerkovich | Dreamstime

Pense nisso, talvez seja melhor mudar sua atitude em relação ao dinheiro (e a si mesmo) introduzindo algo novo e útil no mundo, em vez de ficar constantemente ofendido e com inveja de quem já fez isso? Claro, a visão de um gastador rico, confiante de que por dinheiro ele pode pagar tudo (“Tudo é comprado”), pode ser repugnante. Mas não é menos desagradável comunicar-se com aqueles que constantemente caluniam aqueles a quem invejam, sem querer ser “como esses ricos presunçosos”.

Como economizar dinheiro – dicas para todas as ocasiões
Como economizar dinheiro – dicas para todas as ocasiões
Não vá a extremos. Talvez valha a pena ganhar muito dinheiro para descartá-los adequadamente? Afinal, quando alguém fica rico, outras pessoas ficam mais ricas com ele – novos empregos aparecem e muitas outras pessoas têm a oportunidade de fornecer a seus entes queridos tudo o que precisam. De fato, o processo de intercâmbio monetário pode ser visto de diferentes maneiras.

Podemos pensar que compramos algo de um vendedor em uma loja. Pode-se pensar que compramos isso não do vendedor, mas do dono da loja. E você pode se considerar um participante do intercâmbio global. E então você pode querer fazer uma contribuição pessoal maior para esse processo global de redimensionamento. Afinal, não foi em vão que surgiu e se enraizou entre as pessoas o ditado de que “o dinheiro faz o mundo girar”.